Mais duas transferências com atuação integrada do SAMU e Batalhão de Operações Aéreas na Região Oeste.

Nesta segunda e terça-feira, 02 e 03 de dezembro, foram realizadas mais duas transferências, dois casos semelhantes, com atuação integrada do SAMU e Batalhão de Operações Aéreas (BOA) do Corpo de Bombeiros de Minas Gerais.

A de segunda-feira (02) foi de uma mulher, de 57 anos, que estava internada no Centro de Tratamento Intensivo (CTI) do Complexo de Saúde São João de Deus com complicações neurológicas. A equipe da Unidade de Suporte Avançado (USA) de Divinópolis fez o translado do hospital até o Aeroporto Brigadeiro Cabral, onde o avião do BOA pousou e a equipe médica assumiu o atendimento levando a paciente para o Hospital de Pouso Alegre.

A transferência da terça-feira (03) também foi para Pouso Alegre, de uma paciente de 33 anos com complicações neurológicas. Nesta, veio o helicóptero Arcanjo 03 do BOA que pousou no Campo da Gecol, no Bairro Danilo Passos, em Divinópolis. A equipe da USA fez o translado da paciente do CTI do Complexo de Saúde São João de Deus até o campo e a equipe médica do BOA encaminhou a paciente para o hospital em Pouso Alegre.

O convênio firmado entre o SAMU e o BOA em dezembro de 2018 trouxe muitos benefícios principalmente para a Região Oeste. Dezenas de pessoas em situação delicada de saúde foram beneficiadas com atendimento médico ágil proporcionado pelas equipes dos cinco helicópteros e um avião.

Parceria cada vez mais forte e homenagem ao CIS-URG Oeste.

O Batalhão de Operações Aéreas do Corpo de Bombeiros Militar de Minas Gerais (BOA) completou 13 anos de criação em 2019. Em comemoração, uma solenidade foi realizada na tarde de sexta-feira, 22 de novembro, no hangar do batalhão, situado no Aeroporto da Pampulha em Belo Horizonte e militares que atingiram este tempo com bom comportamento, pessoas e entidades que apoiam as atividades receberam medalhas de mérito militar.

A gerente de enfermagem do CIS-URG Oeste, Thamara Lesse, participou da solenidade e foi agraciada com uma das medalhas, assim como o médico Marco Aurélio Lobão Mendes, pelo reconhecimento aos serviços prestados no embarque das aeronaves e transferência de pacientes. Também foi agraciado o secretário executivo, José Márcio Zanardi, por conduzir essa parceria exitosa.

“Foi emocionante!!! GRATIDÃO!!! Esse momento não poderia ter outro nome!!! Agradeço a família CISURG-OESTE pela oportunidade e confiança!!!”, postou emocionada, Thamara Lesse.

4 de dezembro de 2019